• CNPq anuncia aumento de 2 mil bolsas de mestrado e doutorado

CNPq anuncia aumento de 2 mil bolsas de mestrado e doutorado

O CNPq acaba de anunciar um aumento de 2 mil novas de mestrado e doutorado com vigência a partir de março de 2011. A medida representa um incremento de cerca de 10% no número de bolsas nessas modalidades, já que, atualmente, 19.765 estudantes são beneficiados. No total, o CNPq concede mais de 93 mil bolsas em várias modalidades, apoiando desde jovens pesquisadores com bolsas de Iniciação Científica até pesquisadores altamente qualificados, com a modalidade Produtividade em Pesquisa.

As novas bolsas serão concedidas aos cursos em forma de cotas. Vários critérios foram estabelecidos pelo CNPq para a distribuição das cotas, como o conceito do curso junto à Capes, o desenvolvimento de atividades em consonância com as diretrizes do Plano de Ação em Ciência, Tecnologia e Inovação (PACTI), número de alunos sem bolsa e sem vínculo empregatício e localização regional. As regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste terão um mínimo de cotas garantidas, como parte de uma política governamental de diminuir as desigualdades regionais em ciência e tecnologia.

Os alunos interessados devem solicitar as bolsas dessas modalidades diretamente nas coordenações dos cursos em suas instituições, não ao CNPq. A duração da bolsa de Mestrado é de até 24 meses e a de Doutorado até 48 meses, improrrogáveis.

Alguns requisitos são exigidos dos candidatos à bolsa, como estar regularmente matriculado no curso de pós-graduação beneficiário de bolsas, dedicar-se integralmente às atividades acadêmicas e de pesquisa, não ser aposentado e não receber remuneração proveniente de vínculo empregatício ou funcional, concomitante com a bolsa do CNPq, exceto quando exercer atividades relacionadas a ensino e pesquisa.

Mais informações sobre bolsas no site do CNPq.

________________________________

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do CNPq

[via @maryjackyzinha, colaboradora assídua do posgraduando.com].
By |2018-12-06T01:56:53+00:0010-12-2010|notícias|2 Comments

About the Author:

Criador e editor de conteúdo do blog, é portador de uma imaginação hiperativa e de uma necessidade patológica de estar sempre bem-humorado. Acredita que a Pós-Graduação, como tudo na vida, pode ser interessante, divertida e descomplicada.

2 Comments

  1. Jonathan 09.05.11 at 20:01 - Reply

    Além disso o valor deveria aumentar, pois R$ 1200 para o mestrado ou R$ 1 800 para doutorado não dá para quase nada, ou seja, pagar aluguel, se alimentar, transporte, inscrições em eventos, comprar de livros entre outros gastos.

  2. Lucas 30.03.12 at 06:40 - Reply

    Caro Jonathan, a bolsa so vai aumentar significativamente quando o numero de alunos interessados em fazer mestrado e doutorado reduzir aindam mais. E a lei da Oferta e da procura. Com esta bolsa, alunos entram e vao trabalhar em alguma empresa para poder pagar as contas, principalmente se for nas capitais. E, assim, a pesquisa fica prejudicada. Assim que mais empresas entrarem no mercado e comecarem a retirar alunos super qualificados dos Labs a coisa vai feder. Ja estou ouvindo professores reclamando em SP. Os professores qualificam o aluno e o cara nem termina o pos doc, ou faz o doutorado meia boca e pula fora, vai pra o exterior e etc. 

Leave A Comment