Quais são as diferenças entre monografia, dissertação e tese?

Muitas pessoas confundem os termos monografia, dissertação e tese. Entretanto, esses erros não se restringem apenas ao significado dos termos e muito menos às pessoas que não estão ligadas à área acadêmica.

É possível encontrar, em alguns programas de pós-graduação, alunos de doutorado defendendo dissertações e chamando-as de teses, o que é algo muito sério.

Um trabalho acadêmico é o documento que representa o resultado de um estudo, devendo expressar conhecimento do assunto escolhido, que deve ser obrigatoriamente emanado da disciplina, módulo, estudo independente, curso, programa e outros ministrados (Medeiros e Tomasi, 2008).

Uma dissertação não é uma tese de pior qualidade ou mais superficial. Da mesma forma, uma tese não é uma dissertação com mais páginas ou um conjunto de dissertações em um trabalho só. A diferença fundamental não é o número de páginas.

É a originalidade.

O que é um trabalho monográfico?

Os trabalhos monográficos ou monografias constituem o produto de leituras, observações, investigações, reflexões e críticas desenvolvidas nos cursos de graduação e pós-graduação (Vianna, 2001).

Sua principal característica é a abordagem de um tema único (mónos = um só e graphein = escrever).

Portanto, todos os trabalhos acadêmicos são monográficos.

Dentre os trabalhos monográficos mais usuais, destacam-se aqueles exigidos para obtenção de graus, como a dissertação de mestrado e a tese de doutorado.

Para a conclusão de cursos de especialização, ou mesmo de graduação, é comum a apresentação de trabalhos acadêmicos chamados simplesmente de monografias. Considera-se também como monografia a redação de memorial, exigido para a progressão na carreira docente.

Monografia

A monografia é um trabalho acadêmico Lato sensu que tem por objetivo a reflexão sobre um tema ou problema específico e que resulta de processo de investigação sistemática.

As monografias tratam de temas circunscritos, com abordagem que implica análise, crítica, reflexão e aprofundamento por parte do autor.

Entretanto, é preciso lembrar que, apesar dessa terminologia estar consagrada, essa denominação não é muito adequada, uma vez que todos os trabalhos acadêmicos tem como principal característica serem trabalhos monográficos.

Dissertação

A dissertação é um trabalho acadêmico Stricto sensu que se destina à obtenção do grau acadêmico de mestre.

Os projetos de dissertação não precisam abordar necessariamente temas e/ou métodos inéditos. O aluno de mestrado deve demonstrar a habilidade em realizar estudos científicos e em seguir linhas mestras na área de formação escolhida (Andrade, 2014).

Tese

A tese é um trabalho acadêmico Stricto sensu que importa em contribuição inédita para o conhecimento e visa a obtenção do grau acadêmico de doutor (Barros e Lehfeld, 2007).

O doutorando deve defender uma ideia, um método, uma descoberta, uma conclusão obtida a partir de uma exaustiva pesquisa e trabalho científicos.

By |2018-12-06T01:56:51+00:0009-09-2011|guia|56 Comments

About the Author:

Criador e editor de conteúdo do blog, é portador de uma imaginação hiperativa e de uma necessidade patológica de estar sempre bem-humorado. Acredita que a Pós-Graduação, como tudo na vida, pode ser interessante, divertida e descomplicada.

56 Comments

  1. Thiago 10.09.11 at 05:07 - Reply

    Bem esclarecedor. Otimo post.

  2. Wall Hattori 10.09.11 at 09:38 - Reply

    Se não estou enganado, em inglês, é invertido: tese (thesis) é feita no mestrado e dissertação (dissertation) no doutorado. Hugs C=

    • Mastercreed 03.02.12 at 16:28 - Reply

      Está enganado sim. Dissertação é um nome genérico para um trabalho acadêmico reflexivo. Uma tese é um trabalho dissertativo, assim como uma redação de vestibular tambem é um trabalho dissertativo. Você se confundiu pela similaridade das palavras.

      • Mara 13.04.16 at 07:16 - Reply

        Ele está certíssimo, Mastercreed, é ao conrário sim. Tanto nos US quanto no Canadá, defende-se a tese de Mestrado e apresenta-se a dissertação para conseguir o Doutorado. Em inglês, a dissertação tem o objetivo de contribuir, enquanto a tese é como uma teoria.

    • Luciano 20.02.15 at 18:34 - Reply

      Nao esta enganado nao. Estou concluindo um mestrado nos EUA e estou fazendo uma tese (thesis). Os alunos de doutorado da instituicao a qual frequento estao elaborando dissertacoes (dissertations).

      • Rosane 30.10.17 at 00:44 - Reply

        Sorte a nossa ter essa informação. Thank you, Luciano!

  3. Flaviano 04.10.11 at 20:25 - Reply

    Gostaria de obter uma informação: como é que a CAPES atribui as notas nas avaliações trienais nos cursos stricto sensu. Quais os critérios por exemplo para que um curso tire nota 3, 4, 5. 6.ou 7 se os itens avaliados são em conceito muito bom (MB) bom (B) Regular (R) Fraco (F) e deficiente (D). Como é feita essa relação entre o conceito e a nota.

    • diego 02.08.16 at 00:18 - Reply

      A capes avalia os cursos de acordo com a contribuição científica de cada curso, quanto mais artigos científicos forem produzidos em determinado prazo maior a nota do curso.

  4. Eliene carvalho 19.03.12 at 13:36 - Reply

    muito bom me ajudou bastante,valeu.

  5. raskol 21.03.12 at 21:42 - Reply

    Mas e aí, qual a diferença entre monografia e dissertação?

    • posgraduando 24.03.12 at 08:10 - Reply

      A dissertação é uma nonografia escrita sobre um tema específico, que resulte de pesquisa científica com o escopo de apresentar uma contribuição relevante e pessoal à ciência.

  6. Rosita Da Conceiçao Simbine 18.04.12 at 08:35 - Reply

    gostei,mas queria saber o que significa aqui latu senso e srticto sensu

  7. Louise renata leal pontes 21.06.12 at 08:51 - Reply

    achei ótimo!

  8. Wander Luis Pedroso LINO 08.08.12 at 17:48 - Reply

    me fle como começar uma dessertação ou tese de idéias

  9. Robertoshow 8 10.10.12 at 21:03 - Reply

    muito boom isso tudo , gostei de ver . mt interessante . muito obrigado amores com isso tirei nota boa na minha proviinha .
    mil beijos .

  10. Eliz Cunn 02.11.12 at 13:21 - Reply

    Adorei, está tudo muito esclarecido e claro!!!!

  11. disqus_i2r3k6cd1B 30.11.12 at 15:20 - Reply

    estou fazendo pós em desenvolvimento de software, gostaria de saber se na monografia, tem que entregar o sotware solução do meu problema? e rodando? funcionando? ou o importante é entregar somente a parte teórica escrita ?

    • Marco 05.03.18 at 23:06 - Reply

      Eu acho que você pode entregar junto no CD com os arquivos, mesmo se não estiver rodando perfeitamente. E comentar sobre isso no corpo do texto.

  12. Laíse Maia 03.11.13 at 02:30 - Reply

    Sou aluna do Mestrado em Administração de Empresas da Universidade de Fortaleza UNIFOR e com relação à questão levantada acima, pelo Sr. Flaviano, são vários os critérios para a pontuação Capes, mas alguns exemplos que posso citar são as publicações feitas pelo programa (quanto mais, melhor); Em seguida podemos citar a quantidade de alunos que concluirá o curso ou seja, quanto mais alunos desistirem, pior para o programa; Em terceiro, podemos citar, o cronograma de defesa de tese ou dissertação: quanto mais trabalhos forem defendidos em tempo record, melhor para o programa. Por exemplo, no meu programa temos 30 meses para concluir o curso de mestrado, mas se fizermos isto a nossa coordenadora nos mata rsss. O ideal, é concluir em até 24 meses no nosso caso específico. O nosso conceito é 4, e estamos em analise buscando o 5. Somos o mais conceituado da cidade, pois estamos a frente da universidade federal e da estadual. Quanto à dissertação ela é sim ´TCC do mestrado, e a tese é o TCC do doutorado. Espero ter contribuido para esclarecer.

  13. Luciano 10.11.13 at 15:57 - Reply

    Desculpem-me repetir a pergunta do sr. raskol, mas ainda não entendi a diferença entre monografia e dissertação.

    O texto diz que a monografia é um trabalho acadêmico que tem por objetivo a reflexão sobre um tema ou problema específico e que resulta de processo de investigação sistemática. Mas a dissertação também não é assim? È dito ainda que as monografias tratam de temas circunscritos, com abordagem que implica análise, crítica, reflexão e aprofundamento por parte do autor. O mesmo se pode dizer da dissertação, não?

    O texto fala ainda que a dissertação é um trabalho acadêmico que se destina à obtenção do grau acadêmico de mestre. Então seria uma dissertação feita em razão de um mestrado? Ou seja, não haveria diferenças essenciais entre monografia e dissertação, exceto o simples fato (que não as difere em essência) de que uma é feita na pós lato sensu e outra no mestrado?

    Por outro lado, na resposta ao questionamento do sr. raskol, vocês disseram ainda que a dissertação é uma monografia escrita sobre um tema específico, que resulte de pesquisa científica com o escopo de apresentar uma contribuição relevante e pessoal à ciência. Mas a monografia da pós lato sensu também possui essas características, não?

    Desde já, desculpe pelo tamanho da dúvida, obrigado pela colaboração em retirar nossas dúvidas e parabéns pelo site.

  14. Eliete Vasconcelos 12.11.13 at 09:22 - Reply

    Em síntese, monografia trata de uma revisao bibliografica, sem interferencia do autor, na dissertaçao o autor pode contribuir com suas conclusões pessoais à pesquisa

    • Edson Lionjanga 11.01.16 at 17:23 - Reply

      Luciano,cara muito inteligente pha!!!!!

  15. Kamila 14.11.13 at 18:18 - Reply

    Luciano, acredito que a dissertação tem que apresentar uma estrutura de pesquisa científica (objetivos, método e resultados), o que não é necessariamente o caso da monografia, que pode ser fruto de reflexão ou crítica, por exemplo.

  16. Íthalo 24.12.13 at 16:59 - Reply

    Fiquei ainda mais confuso do que antes. Acho que até o autor fez uma confusão, pois, pelo que entendi, um doutorando realmente escreve uma tese e não uma dissertação.

    • Paulo César 11.01.16 at 20:01 - Reply

      Íthalo, o autor não fez uma confusão.
      Fez uma crítica sobre os alunos de doutorado que não defendem uma teoria original ao final do curso.

  17. Rafael 26.01.14 at 14:44 - Reply

    Mas então se eu desenvolver um estudo inédito no mestrado, então posso dizer que é uma tese?!

  18. Alfredo 29.01.14 at 22:18 - Reply

    Eliete, Kamila, Íthalo, Rafael… eu defendi mestrado na Federal de Viçosa, em 2005. Consultando documentos defendidos em várias Universidades, na época entendi que deveria nomear o meu de dissertação. Entretanto, na hora de entregá-la na Pró-Reitoria de Pesquisa de lá (os documentos de defesa lá são centralizados pela PRP, e não gerenciados independentemente em cada programa de pós de cada departamento), me “corrigiram” solicitando nomeá-la de tese. Sou químico, e pelo que percebo a quase totalidade dos mestrandos dessa área e correlatas acabam desenvolvendo seus cursos de mestrado em meio à experimentação e investigação científicas, com abordagens muitíssimo frequentes de temas de vanguarda, explorados sob suposições, pontos de vista e por meio de métodos inéditos, frequentemente chegando a conclusão inéditas, assim como ocorre no doutorado. Aliás, foi desta forma que cursei meu mestrado.
    No meu ponto de vista:
    – Monografia é uma discorrência reflexiva sobre um tema a partir de fontes de informações já disponíveis, que tenham sido previamente coletadas por métodos investigativos e/ou geradas de forma inovadora – nesse ínterim, um artigo de revisão, por exemplo, tem essas características;
    – Dissertação é uma discorrência sobre um tema qualquer, novo ou não, a partir de informações coletadas pelo autor usando método investigativo científico, o que caracteriza a contribuição pessoal do indivíduo para o tema, gerando conhecimento novo ou não. O ato de dissertar não implica na não originalidade do documento, mas na participação ativa do autor na descrição e/ou desenvolvimento do conjunto de conhecimentos abrangidos. O autor pode chegar a uma conclusão idêntica a de um autor inovador anterior, usando entretanto um método científico distinto. Pode também chegar a uma conclusão nova sobre um tema novo usando um método novo.
    Pensando assim, monografia e dissertação seriam distinguíveis pela participação “passiva” ou “ativa” do autor na geração do DOCUMENTO. Monografia seria um documento descritivo-reflexivo. A dissertação seria o documento, o registro, de um estudo científico conduzido experimentalmente e de forma levar à comprovação ou negação de uma hipótese nova, gerando uma tese, ou levando à concordância parcial ou total com o concluído anteriormente acerca de uma hipótese previamente estudada, não caracterizando conhecimento inovador, mas metodologicamente aditiva ao que já foi feito.
    Tese, para mim, é a denominação da INOVAÇÃO conclusiva, documentada através de uma dissertação ou não, gerada a partir de uma hipótese nova que foi investigada por um método qualquer. Apenas isso, não tendo a dissertação uma relação antagônica com o termo tese.
    E mestrado e doutorado são apenas denominações de cursos de pós-graduação, com a restrição de que o curso de doutorado deve ser embasado numa premissa nova e culminando numa tese, dissertada. O Doutor deve ser inovador, obrigatoriamente. Ao Mestre, essa característica é facultativa.

    • EDEVAL GASPARELO Cursando RITA JOSIANE GASPARELO 13.06.18 at 22:40 - Reply

      Sensacional a sua posição, sanou todas as dúvidas acima descritas e ainda me ajudou a diferenciar os trabalhos científicos. Obrigada !! valeu !!

  19. Henrique 24.05.14 at 11:28 - Reply

    Ainda estou no bacharelado, como chama o trabalho que tenho que fazer ?
    Obrigado !

    • Eduardo Ýñez 23.06.14 at 20:42 - Reply

      Monografia de bacharelado ou simplesmente monografia

    • Marco 05.03.18 at 23:08 - Reply

      Que trabalho, fera? Isso depende totalmente do curso que você faz…

  20. Enrique 26.06.14 at 17:23 - Reply

    Gostaria de tirar uma dúvida. Estou fazendo doutorado na área aplicada (Ciências e Engenharia) mas recebo uma bolsa da Secretaria da Educação pois sou professor. Como eu faço para separar as duas coisas mas ao mesmo tempo citar que recebi o apoio financeiro da bolsa. Seria possível usar o apêndice para apresentar um relatório da parte pedagógica? Não quero colocar esta parte no meio da Tese, mas preciso apresentar em algum lugar da Tese o que fiz referente a parte pedagógica em sala de aula, que não está totalmente ligada ao tema principal. Por favor me ajude!

    • Marco 05.03.18 at 23:09 - Reply

      Eu acho que isso só cabe no seu currículo que você bota no final da tese…

  21. Ryan 16.09.14 at 01:29 - Reply

    É incrível como vocês pensam em dissertação e tese com base nas ciências naturais, onde qualquer experimento gera uma tese… Na área das exatas, por exemplo na matemática, uma dissertação não precisa ser estruturada no formato objetivos-métodos-resultados, uma dissertação é bem como o nome diz, você disserta sobre um tema e o defende, pode ser inovador ou não, uma revisão bibliográfica ou não. Outra coisa, a tese de doutorado não precisa ter resultados inéditos, pode ser uma revisão bibliográfica sobre algo que já está pronto, desde que com um olhar crítico, diferenciado e que proponha um olhar atualizado sobre a tese escolhida.

  22. Laíse Maia 02.11.14 at 19:49 - Reply

    Vamos usar uma linguagem bem simples para diferenciar pós strictu e latu , bem como os seus respectivos TCC. Então, pós latu sensu, não exige que o aluno faça processo de seleção para ingressar, ja os stricto sensu exige processo seletivo composto de várias etapas. O latu sensu é um curso mais superficial e generico, ja o strictu é voltado para uma linha de pesquisa específica e o aluno vai ver disciplinas afins de sua linha de pesquisa. Quanto ao TCC no caso da especiizaçao latu, ele é calcado apenas em pesquisa à padtir de outros trabalhos que já existem
    E o aluno não precisará ir à campo realizar pesquisas. Chamamos esse tipo de tcc de revisão bibliografica que pode ser em forma de uma monografia ou um artigo ( depende do curso e da faculdade). Quanto à dissertação de Mestrado, além de conter uma revisão bobliografica ou seja, pesquisa à partir de outros trabalhos ja escritos, o aluno deve ir à campo realizar pesquisar e comparar se o que escreveu coaduna com o que ele viu nas pesquisas de campo ( empiricas). Não é necessario que o tema seja inedito. No caso da tese, a grande diferença é que o tema deve ser inédito. Tanto o artigo de conclusão de curso, a monografia, a tese e a dissertação sao TCC pois são trabalhos de conclusão de curso.

    • Rosane 30.10.17 at 01:03 - Reply

      Excelente explicação! Obrigado Laíse.

  23. ELIZABETH 18.12.14 at 16:51 - Reply

    Por favor, esclareçam uma dúvida para mim!
    Vou fazer minha monografia para obtenção do título do curso de especialização, mas não sei ao certo quantas páginas são, pelo menos, na parte textual. Quantas páginas uma monografia deve conter?
    Desde já, agradeço a colaboração.

    • Marco 05.03.18 at 23:09 - Reply

      Não existe um número mínimo de páginas.

  24. ELIZABETH 21.12.14 at 10:28 - Reply

    Vou fazer minha monografia para obter o título de especialização, mas estou em dúvida: quantas páginas deve conter uma monografia?

    Desde já, agradeço a colaboração.

  25. Edduino Nunes 11.04.15 at 07:05 - Reply

    Sem comentários por enquanto,mas curti bastante os parágrafos acima descriminado.

  26. Luciana 01.05.15 at 17:52 - Reply

    E artigo, em que momento é escrito? Sei que não é na graduação… Para qual título ou especialidade, mestre ou doutorado?

    • Marco 05.03.18 at 23:10 - Reply

      Artigo pode ser escrito em qualquer momento, não precisa nem estar cursando nada. O importante é que ele seja publicado.

  27. Pedro Mendes 06.05.15 at 09:34 - Reply

    Saudações calorosas. permita através desta endereçar meus parabéns pelo blog e bem interessante e ajudou bastante
    Foste muito breve e objectivo na tua explanação…parabens

  28. Breno Lacerda 19.05.15 at 15:04 - Reply

    Ótimo Post! Esclarecedor. Obrigado.

  29. Eliza 29.06.15 at 19:34 - Reply

    Alguém já investiu no Mestrado no Uruguai? Estou preste a embarcar mas confesso com muito medo de estar Investindo …em sonhos!!!

    Obrigada Eliza

  30. Anélia Grassi 20.08.15 at 16:23 - Reply

    Ola Eliza, te dou todo apoio a embarcar nesse mestrado sem medo. Eu também estou fazendo doutorado na Argentina e é muito bom. Coragem, na vida temos que ousar, vale a pena.Abraços.

  31. Alexandre H. Reis 03.09.15 at 10:17 - Reply

    Em verdade, a produção de conhecimento não é apenas de conhecimento científico. A ciência é uma forma de conhecimento dentre outras e na Academia existem mestrados e doutorados em áreas que não seriam chamadas de ciência, como educação, artes visuais, belas artes, música, filosofia (que na classificação tradicional engloba mas não é englobada pelas Ciências Humanas, daí as Faculdades de Filosofia e Ciências Humanas).

    A palavra tese, em grego thesis, significa posição. Apesar da distinção acadêmica, muitas dissertações são muito bem feitas, bem defendidas, e não se distinguem de muitos doutorados….

  32. MOACIR 01.02.16 at 09:31 - Reply

    tirou todas minhas duvidas que me acompanharam por 50 anos

  33. Eliseu Borges 20.05.16 at 08:07 - Reply

    Citar um único trabalho (um único autor) na sua amplitude = plágio, citar vários trabalhos (vários autores) = monografia, o que difere da dissertação uma vez que você pode ir a campo e pesquisar a fundo um assunto deixando um legado para uma futura tese de doutorado principalmente se for um mestrado profissional.

    • Marco 05.03.18 at 23:11 - Reply

      Isso não é plágio. Plágio é copiar um outro autor.

  34. Maria Auxiliadora Antao 30.04.17 at 00:48 - Reply

    Muito interessante.Este universo academico cheio de metodologias-mas acho que se temos um orientador a altura; nao ha o que confundir.

  35. Fernando 27.06.17 at 11:42 - Reply

    Com base em dois ou mais orientadores metodológicos, apresente a diferença (conceptual) entre trabalhos científicos do nível de graduação, mestrado e doutoramento.
    Alguém ajude em apresentar diferenças acima referidas?

  36. Israel 06.07.17 at 01:08 - Reply

    Em mestrado e Doutorado posso fazer em dupla ou mais pessoas?

  37. Juliane Alves Araújo Costa 11.06.18 at 14:01 - Reply

    Por que não pode fazer em dupla?

  38. Audrey J. Lásaro 08.07.18 at 16:43 - Reply

    Olá, por favor, iniciei meu TCC, achando que estava elaborando uma monografia, mas descobri que a temática abordada, conforme as instruções aqui contidas, está mais para uma tese, pois ressalta pontos até então nunca levantados, como uma nova forma possível de ser realizada. Agora estou em dúvida do que fazer.

Leave A Comment