• Jogo do Troca na pós-graduação

Jogo do Troca na pós-graduação

De acordo com o autor de teatro francês Pierre de Beaumarchais: “É preciso rir logo de tudo antes que nos obriguem a chorar.”

Por isso, de maneira análoga ao programa de TV da Band “É Tudo Improviso”, escrevi como seria o “Jogo do Troca na Pós-Graduação“.

Funciona da seguinte forma: após as perguntas dos personagens ALUNOS, toda vez que aparecer a palavra TROCA o personagem PROFESSOR tem que trocar a última coisa que ele disse por outra (refletindo, na terceira resposta, muitas vezes, o verdadeiro significado das frases ditas em sala de aula).

Para os que nunca viram esse jogo, recomendo assistir este vídeo para entender melhor a brincadeira.

Precisamos de um LUGAR… ~~> Uma Universidade.
Precisamos de uma SITUAÇÃO… ~~> Primeiro dia de aula em uma disciplina da Pós-Graduação.

Portanto:
PRIMEIRO DIA DE AULA EM UMA DISCIPLINA DA PÓS-GRADUAÇÃO

Atenção, VALENDO:

Aluno: “Professor, qual a importância dessa disciplina?”
Professor: “Essa disciplina é extremamente útil.”(TROCA)
Professor: “Essa disciplina serve de base para vocês entenderem as próximas.” (TROCA)
Professor: “Nunca parei pra pensar quais são os reais objetivos dessa disciplina…”

Aluno: “Mas sendo assim, nós teremos avaliações?!?”
Professor: “Apenas uma avaliação ao final da disciplina.”(TROCA)
Professor: “Apenas uma pergunta ao final da disciplina para dar mais emoção.” (TROCA)
Professor: “Apenas pra vocês NÃO se interarem ao longo da disciplina do que sabem, do que não sabem e do que deveriam saber…”

Aluno: “Hum, e como seremos avaliados?”
Professor: “Vocês serão avaliados oportunamente.” (TROCA)
Professor: “Vocês serão avaliados em algum momento.” (TROCA)
Professor: “Se eu contar pra vocês TODAS as regras da disciplina vocês deixarão de freqüentar às minhas aulas…”

Aluno: “Ah e, falando nisso, como serão nossas aulas?”
Professor: “A disciplina será dada na forma de ditado.” (TROCA)
Professor: “A disciplina será dada na forma de ditado rápido.” (TROCA)
Professor: “Eu não quero ouvir perguntas inúteis e incômodas durante as aulas…”

Aluno: “Mas não seria interessante que nossas aulas fossem dadas com recursos didáticos variados?”
Professor: “Não temos recursos financeiros para isso.” (TROCA)
Professor: “Não temos tanto tempo a perder, pois o conteúdo é MUITO extenso.”(TROCA)
Professor: “Não tenho tanto tempo a perder preparando aulas diferentes, pois sou muito mais valorizado pelo número de artigos que publico…”

Aluno: “Ok, mas e no caso de dúvidas com o conteúdo da disciplina, como faremos?”
Professor: “Bem, vou lhes apresentar agora o fulano que é pós-doutorando…”(TROCA)
Professor: “Bem, vou lhes apresentar agora o beltrano que é meu auxiliar…” (TROCA)
Professor: “Se vocês forem toda hora na minha sala, não consigo organizar minhas pesquisas…”

Aluno: “Professor, com relação às faltas, se eu trouxer atestado médico elas serão retiradas?”
Professor: “Você pode faltar em até 30% das aulas, mais que isso não.” (TROCA)
Professor: “Você pode faltar mais de 30% das aulas, se quiser pegar DP direto.”(TROCA)
Professor: “Se eu não controlar as faltas, ninguém aparece na minha aula…”

________________________________________
Texto escrito porRichardson Barbosa Gomes da Silva, engenheiro florestal, pós-graduando em Ciência Florestal na UNESP de Botucatu e autor do blog Lagartas Gordas.

By |2018-12-06T01:56:53+00:0017-02-2011|humor|2 Comments

About the Author:

O posgraduando.com é um espaço na internet para troca de experiências, opiniões, depoimentos, dicas, tutoriais, humor e debates saudáveis sobre o meio acadêmico. Para participar também, leia nossas instruções aos colaboradores.

2 Comments

  1. Jão 20.02.11 at 02:29 - Reply

    Virou o jogo na sala de aula?

  2. Mari Bamboocha 23.02.11 at 02:11 - Reply

    Posso parar de brincar? Já cansei!

Leave A Comment