7 dicas para agilizar a escrita do artigo científico

O artigo científico é um texto de divulgação de resultados da sua pesquisa.

Mas as vezes a gente dá aquela travada e não sabe como reduzir nossa pesquisa em poucas páginas.

Temos algumas dicas para otimizar a escrita do seu artigo.

1) Não comece a escrever diretamente

Não comece por uma versão 1.

Faça o seguinte exercício antes.

Suponha que você está em um encontro científico e um colega lhe pede para descrever o seu trabalho.

Como você descreveria seu trabalho em um minuto?

Escreva os dois ou três pontos mais importantes do seu trabalho.

Faça este exercício com um colega real e pergunte se ele entendeu e se faz sentido.

Um problema comum quando se tenta resumir o próprio trabalho é que, em geral, ele envolve muitas atividades, procedimentos e resultados e a gente acaba se perdendo.

Esse exercício visa forçá-lo a focar nos pontos principais.

2) Antes de começar a escrever é bom fazer um plano

Ou seja, um esboço do artigo antes da escrita propriamente dita.

O propósito do esboço é dividir a escrita do artigo inteiro em um número de tarefas menores.

Um bom esboço organiza os vários tópicos e argumentos de forma lógica.

O esboço permite identificar lacunas no trabalho antes da escrita do artigo.

artigo

Mas como fazer um esboço do artigo?

Escreva as duas ou três mensagens centrais do artigo (aquelas do primeiro exercício).

A partir das ideias centrais tente fazer com que cada frase tenha de 20 a 25 palavras.

Tudo no artigo será escrito para apoiar essas mensagens centrais.

3) Defina os materiais e os métodos

Descreva de maneira sucinta.

  • A população com a qual se trabalhou
  • O tipo de amostragem adotada
  • Os materiais utilizados
  • Os métodos usados

4) Resuma a(s) questão(ões) e o(s) problema(s)

O que era conhecido antes de se começar o estudo?

Liste a(s) questão(ões) e o(s) problema(s).

Que resposta(s) era(m) necessária(s) para o(s) problema(s) colocado(s)?

O que foi feito para responder à(s) questão(ões)?

5) Defina as principais descobertas e resultados

As duas ou três mensagens centrais já contêm as descobertas mais importantes.

Podem existir outras que você sinta que devem ser incluídas.

Liste-as em forma de notas. Não se preocupe com a ordem ou com quantas você inclui na lista.

6) Descreva as conclusões e implicações

Faça breves notas sobre todas as implicações que lhe ocorram sobre a pesquisa feita.

Quais são as principais conclusões das descobertas?

O que é novo no trabalho e porque isso é importante?

Houve alguma mudança na prática, na abordagem ou nas técnicas usadas que seria interessante recomendar?

Quais são as limitações e implicações dos resultados?

Organize e agrupe as idéias relacionadas

Organize o esboço em uma lista de tópicos. O objetivo é estruturar logicamente o trabalho.

Os tópicos podem ser arranjados em ordem de importância ou cronológica.

Como estrutura organizacional, pode-se usar um mapa de agrupamentos (conjuntos), uma árvore de tópicos ou itens numerados.

Para cada tópico, identifique:

  • Os detalhes importantes;
  • As descobertas e resultados principais;
  • As referências apropriadas;
  • As conclusões decorrentes.

7) Faça esboços das tabelas e figuras

É importante esquematizar as tabelas e figuras, os seus títulos e as análises estatísticas apropriadas.

Isso permite saber:

  • Se todos os dados e resultados necessários para o artigo foram obtidos;
  • Que resultados respondem às questões postas pela pesquisa;
  • Que dados podem ser deixados de fora.

Depois do esboço deve-se escrever a primeira versão do artigo.

Na primeira versão, deve-se converter as notas e o esboço para um formato narrativo.

E a partir daí aumentar o escopo do texto.

Você vai perceber que a parte mais difícil de começar um artigo já foi feito no esboço e agora você está refinando o artigo.

By |2018-12-06T01:56:13+00:0004-12-2017|guia, redação científica|6 Comments

About the Author:

Autora dos blogs Ponto Didática e Ponto Biologia, é graduada em Ciências Biológicas (licenciatura) pelo Centro Universitário Claretiano de Batatais e mestre em Ciências (ênfase em Ensino de Biologia) pela Universidade de São Paulo.

6 Comments

  1. Ana Lúcia Puodzius 11.01.18 at 16:55 - Reply

    Uteis dicas para agilizarmos a escrita do artigo científico. Esta metodologia nos ajuda na estruturação do artigo, colaborando efetivamente com o raciocínio/conforme os procedimentos lógicos, para produzirmos ciência. Grata

  2. Diretório de Artigos 24.01.18 at 15:21 - Reply

    Que tudo! Amei!

  3. Lindomar Araujo 11.03.18 at 12:14 - Reply

    Excelentes dicas em procedimentos. Obrigado!

  4. Flávio 20.03.18 at 11:27 - Reply

    Ãin que tudo!

  5. CONCEICAO APARECIDA OLIVEIRA DOS SANTOS SOARES 07.09.18 at 12:57 - Reply

    muito bom!

  6. CONCEICAO APARECIDA OLIVEIRA DOS SANTOS SOARES 07.09.18 at 12:58 - Reply

    Muito boa as dicas!

Leave A Comment