Desde que assumiu suas atividades como membro da Comissão da Plataforma Lattes no CNPq, o Prof. Dr. Manoel Barral-Netto tem coletado sugestões e respondido a dúvidas por meio do seu perfil no Twitter e do seu blog. Sempre fico muito contente quando vejo as atividades do cotidiano acadêmico sendo colocadas em discussão. Afinal, sem discussão não há avanço.

O preenchimento do Currículo Lattes é o segundo tema mais discutido pelos leitores aqui no posgraduando.com e em nosso perfil no Twitter, perdendo apenas para a relação [de amor e/ou ódio] entre orientadores/orientados. Por isso, encaminhei ao professor algumas dúvidas dos nossos leitores, que foram respondidas pelo Geraldo Sorte, responsável pela Plataforma Lattes no CNPq.

PG – O campo “Formação Complementar” é freqüentemente preenchido por eventos diversos, que vão desde palestras até MBAs. Que eventos devem ser considerados como “Formação Complementar”? Quais são os critérios para distingui-lo do campo “Participação em eventos”?
GS – O item “formação complementar” é destinado ao cadastro de programas de formação, aperfeiçoamento e atividade de extensão que não sejam cursos acadêmicos formais (cursos de extensão, cursos de formação profissional, oficinas, cursos de línguas, etc. )

PG – No campo “Formação acadêmica/Titulação”, aparece o ícone da Plataforma Lattes antes do nome de alguns orientadores, com um link para o currículo dos mesmos. Por que o ícone/link não aparece em todos os orientadores de um mesmo currículo? Ele pode ser colocado/retirado pelo usuário?
GS – O ícone que aponta para o CV do orientador é gerado automaticamente através do cruzamento das informações fornecidas pelo orientado e pelo orientador em seus CV’s. Devido ao fato desse cruzamento de dados funcionar como uma validação dessas informações, não é permitido ao usuário incluir/retirar o link manualmente.

PG – As monitorias em eventos científicos devem ser colocadas em que campo? [via @pri_fr e @parederoxa]
GS – Uma vez que não existe no CV Lattes item destinado especificamente a esse fim, a minha sugestão é realizar o cadastro das monitorias no Módulo de Atuação Profissional, Atividades (Outra atividade técnico-científica).

PG – Como referenciar a participação em bancas examinadoras? Qual deve ser a ordem dos nomes? [via @carolrcosta_]
GS – Não há nenhuma orientação sobre a ordem de preenchimento dos participantes de uma banca. Caso seja necessário definir uma ordem para os participantes da banca, a Comissão Lattes poderá avaliar tal necessidade.

PG – Por que é tão difícil indexar um Currículo Lattes no Google?
GS – Atualmente, o CNPq utiliza o mecanismo apontado pelo site do Google quando não se quer que uma página seja indexada (não existe o arquivo buscatextual.cnpq.br/robots.txt). A decisão pelo uso dessa diretiva foi tomada após diversas manifestações de pesquisadores descontentes com a indexação de seus CVs pelo Google. Além disso, os processos de indexação utilizados pela Google estavam varrendo toda a nossa base Lattes, chegando a indisponibilizar o Sistema em vários momentos críticos. Estamos estudando uma forma de implementar uma indexação autorizada pelo próprio pesquisador, mas ainda não temos uma solução para isso.